18 maio 2013

NASA migra computadores do Windows para Linux

A NASA decidiu abandonar o Windows nos computadores dos astronautas que trabalham na Estação Espacial Internacional, migrando-os para Linux. A decisão prendeu-se pela procura de maior estabilidade e fiabilidade do sistema.



Keith Chuvala da United Space Alliance, gestor da Space Operations Computing (SpOC) e responsável pela equipa de integração de PCs e redes naEstação Espacial Internacional, explicou que a NASA decidiu passar os computadores da estação espacial para Linux pelo facto dos principais funcionários necessitarem de um sistema estável, fiável e que possa ser modificado à medida das necessidades.

Esta passagem de Windows para Linux implica que os astronautas e funcionários consigam dominar o novo sistema. Nesse sentido, a Linux Foundation preparou dois cursos que visam introduzir o sistema operativo Linux e também ensinar aos funcionários da NASA como desenvolver aplicações para este sistema. 

Além desta informação, sabe-se também que o primeiro humanoide no espaço, o Robonaut (R2) também corre o sistema operativo Linux. Actualmente o humanoide está na Estação Espacial Internacional, em modo experimental, com o objectivo de auxiliar os astronautas em tarefas que sejam perigosas.

Um webmaster amante das tecnologias, criador de conteúdo para a web e idealizador do Informe Tecnológico 2cmultimidia.com (site voltado às tendências de tecnologias), onde compartilha experiências com seus web leitores.

Por favor leia antes de comentar:

1. Escreva apenas o que for referente ao tema;
2. Ofensas pessoais ou spam não serão aceitos;
3. Para entrar em contato acesse formulário de contato.
EmoticonEmoticon